Convivência com a Realidade Semiárida,

Esta inscrição foi publicada.

Convivência com a Realidade Semiárida,: Promovendo o Acesso a Água Solidariedade e Cidadania

BrasilTeixeira
Ano em que foi fundado:
1989
Tipo de organização: 
Híbrida
Estágio do Projeto:
Escalando
Orçamento: 
$250,000 - $500,000
Resumo do projeto
Pitch de Elevador (Explicação curta e direta)

Resumo conciso: Ajude-nos a lançar esta solução! Forneça uma explicação dentro de 3-4 frases curtas.

A experiência Convivência com a Realidade Semiárida, promovendo o acesso a água, solidariedade e cidadania promove o protagonismo dos agricultores e agricultoras de base familiar, a partir da promoção do encontro de saberes locais

E SE... - Inspiração: Escreva uma frase que descreve uma forma que seu projeto se atreve a perguntar: "E SE?"

Adaptação às mudanças Climáticas
SOBRE O PROJETO

Problema: Este projeto busca solucionar qual problema?

As famílias que ainda não tem acesso à água se submetem a beber água de péssima qualidade, expondo-se ao risco de contrair doenças, principalmente, nas crianças que, em muitos casos morrem devido a escassez de recursos financeiros para comprar medicamentos. Quando acontece um ano de extrema seca, algo que no passado acontecia numa escala de 8 em 8 anos, mas, atualmente a freqüência de anos secos tem aumentado.

Solução: Qual é a solução proposta? Por favor, seja específico!

Os agricultores e agricultoras são provocados a conhecer melhor os recursos naturais que existem em suas propriedades, a partir do caminho da água nas propriedades e comunidades de modo a encontrar formas de manejo sustentável da água como fonte de vida. O destaque da abordagem se volta para os processos pedagógicos, constituídos a partir do diálogo com as famílias, resultando no enriquecimento ou fortalecimento da mobilização social e, por conseguinte, surgimento de novos desdobramentos:novas descobertas e iniciativas, por parte das famílias, consideradas fundamentais, em termos de avanços e inovações no horizonte da convivência com a realidade semiárida; ao mesmo tempo em que promovem um aprendizado mútuo.
Impact: How does it Work

Exemplo: Compartilhe um exemplo específico de como essa solução faz a diferença, inclua situações práticas.

Os agricultores(as), embora viessem acumulando conhecimentos, repassados de geração a geração, foram induzidos ao longo da história a não acreditarem que eram capazes. A experiência trabalhada gerou confiança e restabeleceu a estima. Já beneficiou 73.398 pessoas em 07 municípios: Teixeira, Maturéia, Desterro, Cacimbas, Princesa Isabel, Imaculada e São José do Bonfim. Nos municípios de Teixeira e Cacimbas são 34 comunidades, com 843 famílias, trabalhando a dinâmica de Fundo Rotativo Solidário. No período de 2003 a 2012 34 experiências de Fundos Rotativos Solidários existentes nas comunidades rurais de Teixeira e Cacimbas movimentaram um valor de R$ 436.169,35 beneficiando 843 famílias, através do apoio a 103 tipos de necessidades.

Impacto: Qual tem sido o impacto do seu trabalho até hoje? Descreva também o impacto esperado para o futuro do projeto.

O trabalho tem gerado muitos impactos sociais diretos e indiretos, mas, avalia-se que o maior impacto não pode ser mensurado do ponto de vista quantitativo. Trata-se do resgate da cidadania, da auto-estima, do empoderamento social, condição importantíssima para outras conquistas fundamentais na vida. A partir desse enfoque registram-se os seguintes resultados concretos: apoio para criação e gestão de 30 Bancos de Sementes, com capacidade para armazenar 40 Toneladas, beneficiando 1.002, Apoio para construção de 965 Cisternas de placas do tipo tapioca, 5.790 pessoas com capacidade para armazenar 15.440.000 litros de água potável, apoio para construção de 211 cisternas com apoio direto do Fundo Rotativo Solidário, com capacidade para armazenar 3.376.000 litros, beneficiando 844 pessoas, apoio para construção de 138 cisternas com sistema de boia e bomba d'água trampolim.

Estratégias de Expansão: Avançando o projeto, quais são as principais estratégias para ampliar o seu impacto?

Visitas de intercâmbio onde as famílias e técnicos que vem de outras regiões podem dialogar diretamente com as famílias que já estão experimentando as tecnologias sociais e com os técnicos e pedreiros que desenvolvem e acompanha as implementações das tecnologias sociais. Nessas visitas os participantes, também, têm a oportunidade de coletar dados técnicos para a reaplicação. Também há vídeos documentários, banners, adesivos para campanhas e boletins de sistematização sobre as experiências desenvolvidas. Também tem se adotado a estratégia de compartilhar a experiência através de prêmios.
Sustentabilidade

Plano de Sustentabilidade Financeira: Qual é o plano para garantir a sustentabilidade financeira do projeto?

A sustentabilidade tem sido trabalhada por duas vias: a partir das próprias ações, na medida em que está sendo trabalhado o enfoque temático gênero e geração, aprofundando a importância da busca coletiva por saídas, para a convivência com a realidade semiárida, de modo a conjugar ou associar as idéias das mulheres, dos jovens, idosos e crianças. Por outro lado, também, se trabalha a parte financeira através dos Fundos Rotativos Solidários.

Mercado ou Setor: Quais projetos ou organizações estão solucionando o mesmo problema que você e como essas propostas diferem da sua?

Há várias organizações da sociedade civil desenvolvendo iniciativas semelhantes. A diferença está na abordagem metodológica que considera como ponto de partida a promoção do encontro de saberes locais para o processo de aprendizado e de inovações sociais. O protagonismo dos beneficiários é algo forte. O agricultor(a) é considerado um ator social importante, detentor de saberes, conhecimentos e experiências que, socializadas contribui para o desenvolvimento local sustentável. “É importante saber que ensinar não é transferir conhecimento, mas, criar as possibilidades para sua construção".
Equipe

História de fundação

O Centro de Educação Popular e Formação Social - CEPFS é uma organização não governamental, sem fins econômicos, com sede no município de Teixeira, Estado da Paraíba, fundada informalmente no ano de 1986 por estudantes, agricultores/as e profissionais liberais motivados por ideais sócio-organizativos e de fortalecimento da agricultura familiar, na região semiárida da Paraíba. Sua constituição, do ponto de vista jurídico, se deu no ano de 1989. Desenvolve ações formativas e práticas que incluem a implantação e socialização de tecnologias, com inovações sociais, orientadas por estratégias de convivência com a realidade semiárida. É membro da Articulação Semiárido da Paraíba ASA-PB desde a sua criação, em 1993.

Equipe

A equipe é composta por: 01 coordenador Executivo que coordena toda a parte executiva, 01 coordenadora pedagógica que coordena a parte pedagógica das ações de formação, 02 coordenadores de projetos que coordenam os projetos, 02 auxiliar de administração, 02 comunicadora que trabalham a parte de comunicação e 06 técnicos de campo que desenvolvem as ações e o processo de acompanhamento.
Sobre Você
Organização:
Centro de Educação Popular e Formação Social - CEPFS
Sobre Você
Nome

CEPFS

Sobrenome

Centro de Educação Popular e Formação Social

Sobre o seu projeto
Nome da Organização

Centro de Educação Popular e Formação Social - CEPFS

Há quanto tempo sua organização está em operação?

Projeto
País da organização

Brazil, PB, Teixeira

Países onde este projeto vem gerando impacto social

Brazil, PB, Brasil

Que prêmios o projeto já recebeu?
Funding: How is your project financial supported?

Amigos e família, Doações individuais, Fundações, ONG/OCS, Empresas, Governo nacional.

Suplementar
Prêmios

As ações desenvolvidas e/ou apoiadas pela entidade já conquistaram vários espaços de reconhecimento e referência. O trabalho desenvolvido foi inscrito no primeiro ciclo do CONCURSO: EXPERIÊNCIAS EM INOVAÇÃO SOCIAL NA AMÉRICA LATINA E CARIBE, promovido pela CEPAL com o apoio da FUNDAÇÃO W.K. KELLOGG, onde concorreu com 1.600 experiências de 33 países da América Latina e Caribe, inscritas na primeira etapa. A dinâmica apresentada chegou entre as 20 finalistas que participaram da I Feira de Experiências em Inovação Social, realizada em Santiago do Chile no período de 10 a 12 de novembro de 2005. Na oportunidade recebeu o Certificado de Menção Honrosa e o destaque de experiência com maiores características de reaplicação em qualquer parte do mundo. No ano de 2006, a Agência Nacional de Águas - ANA, através da I edição do PRÊMIO ANA, reconheceu a experiência intitulada “Convivência com a realidade Semiárida” – Construção de Cisternas para Captação e Armazenamento de água da Chuva, atribuindo-lhe o primeiro lugar na categoria “Água para a Vida”. No ano de 2007 o Prêmio von Martius de Sustentabilidade reconheceu a experiência como sustentável, atribuindo-lhe o 30 lugar na categoria humanidade. A edição 2007 do Prêmio von Martius de sustentabilidade reconheceu que a região rural, de clima semiárido, dos municípios de Teixeira, Cacimbas e Maturéia, no médio sertão da Paraíba, conta com um projeto para o desenvolvimento local sustentável, partindo do princípio de que os agricultores e agricultoras estão sendo motivados a atuarem como atores sociais para influenciarem mudanças na realidade onde estão inseridos. No ano de 2008 a experiência foi inscrita no Prêmio Inovação em sustentabilidade, realizado pelo Instituto Ethos e a USAID (Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional) onde concorreu entre as 104 experiências inscritas, sendo selecionada como uma das 05 finalistas. Ainda no ano de 2008 foi finalista e conquistou o primeiro lugar na categoria tecnologia ambiental do Prêmio FIEMA 2008 (Feira Internacional de Tecnologias Ambientais), em Bento Gonçalves – Rio Grande do Sul. Também no ano de 2008 conquistou o primeiro lugar na categoria humanidade do Prêmio von Martius de sustentabilidade desenvolvido pela Câmara de comercio Brasil Alemanha. No ano de 2009 a experiência conquistou o primeiro lugar na categoria responsabilidade social do Prêmio Meio Ambiente da AEA – Associação de Empresas Automobilísticas – São Paulo. No ano de 2009, mais uma vez a prática chegou a fase final do CONCURSO: EXPERIÊNCIAS EM INOVAÇÃO SOCIAL NA AMÉRICA LATINA E CARIBE, promovido pela CEPAL com o apoio da FUNDAÇÃO W.K. KELLOGG, em seu V ciclo, se destacando entre as 13 melhores experiências com Inovação Social, que participaram de uma feira na Universidade de San Carlos de Guatemala. Ainda no ano de 2009, uma de suas tecnologias sociais (bomba d’água aro trampolim) obteve o 30 lugar no Prêmio von Martius de sustentabilidade, na categoria tecnologia. Ainda no ano de 2009, três tecnologias desenvolvidas (sistema de boia para lavagem do telhado no processo de captação de água de chuva, bomba d’água aro trampolim e tanques em lajedos de pedras) foram certificadas pelo Prêmio tecnologia social da Fundação Banco do Brasil, oportunidade em que a tecnologia social tanques em lajedos de pedra foi uma das finalistas. Em 2010 a prática foi reconhecida pelo Prêmio ODM Brasil, sendo uma das 20 experiências vencedoras da 3a edição do ODM Brasil. Ainda no ano de 2010 conquistou o primeiro lugar, na categoria sociedade civil do Prêmio Rosani Cunha do Ministério de Desenvolvimento Social – MDS, Planeta casa, na categoria Ação Social, Odair Firmino de Solidariedade e Anu de Ouro promovido pela CUFA. Em 2011 conquistou menção honrosa do Prêmio AEA de meio Ambiente, na categoria Trabalhos Acadêmicos; foi vencedor do prêmio Paraíba abraça ODM, na categoria ONG; foi finalista do Prêmio Internacional World Technology Award na categoria Environment (corporate). José Dias Campos foi um dos 06 finalistas do Prêmio Empreendedor Social da Folha de São Paulo. Foi finalista e vencedor do Prêmio Tecnologia Social da Fundação Banco do Brasil, na categoria Nordeste, com o projeto Bancos de Sementes Comunitários. Ainda no ano de 2011 foi finalista e obteve o terceiro lugar na categoria tecnologias social do Prêmio FINEP de Inovação. Por fim, ainda em 2011 foi vencedor do Prêmio Ford de Conservação Ambiental na categoria Negócios em Conservação e do Projeto Generosidade da Editora Globo, tendo, nesse último conquistado o segundo lugar. No ano de 2012 foi vencedor, pela segunda vez, na categoria Ação Social do Prêmio Planeta Casa da Editora Abril. Foi finalista e obteve o segundo lugar do prêmio FINEP de Inovação Social na categoria tecnologias sociais. Em 2013, inicio do ano, foi vencedor do prêmio Mandacaru na categoria práticas inovadoras. Também foi vencedor do Prêmio AEA de Meio Ambiente na categoria Ação Social com a experiência sistema de bóia para lavagem do telhado no processo de captação e manejo de água de chuva para o consumo humano, além de receber menção honrosa com o projeto bomba d’água trampolim, na mesma categoria. No final do ano recebeu Menção Honrosa foi concedida pela Folha e pela Fundação Humanitare. A categoria homenageou o projeto brasileiro mais alinhado a temas selecionados pela Assembléia Geral da ONU. Em maço de 2014, o Centro de Educação Popular e Formação Social – CEPFS foi homenageado pela BrazilFoundation no seu III Baile de Gala, em Miami, por promover o desenvolvimento sustentável no Semiárido paraibano.

Faixa etária do principal público-alvo

0 - 1.5, 1.5 - 3, 3 - 5, 6 - 12, 13 - 17, 18 - 35, 35+.

Seu papel na Educação:

Outros.

Por favor, especifique quais do itens abaixo melhor se enquadra:

Outros.

Tipo de escola(s) à qual sua solução está afiliada (caso esteja/seja)

Outros.

Foco de Intervenção

Comunidade.

O seu projeto utiliza algum dos princípios de design inovadores abaixo?

Proporcionar ferramentas aos adultos para que impulsionem a mudança na aprendizagem: oferecer experiências de aprendizagem criativas para professores, pais, funcionários e perfis que sejam capazed de impulsionar a mudança em qualquer parte do ecossistema de aprendizagem.

Seu projeto está focado em resolver alguma das seguintes barreiras-chave?

A falta de estruturas que facilite a apropriação comunitária dos processos de aprendizagem: É um desafio garantir que os pais e a comunidade em geral se envolva ativa e plenamente dos processos de aprendizagem.

Demanda

Como dar visibilidade à experiência

Oferta

Abordagem metodológica, escutatoria

Quais são os principais elementos nos processos de aprendizagem que o seu trabalho busca melhorar?

Evidenciar os agricultores e agricultoras de base familiar como protagonistas da história de mudanças sociais

Formulário de inscrição suplementar
ESCLARECENDO A CONCEPÇÃO DO PROJETO: Estamos muito ansiosos para saber mais sobre o que exatamente consiste o seu projeto. Por favor, liste sucintamente os itens a seguir: a)quais são as atividades principais que você realiza com os seus beneficiários, b)onde essas atividades são realizadas, c)com que frequência, d)por quantas horas, e)quem executa os serviços e f)quaisquer outros detalhes
INSPIRAÇÃO: Quais tendência ou evidências você considera mais importantes e que inspiram você a acreditar que o mundo está pronto para Reinventar a Aprendizagem? Por favor, explique sua resposta.
APRENDER BRINCANDO: O que "aprender brincando" significa para você e por que isso é obrigatório e não apenas desejável?
SUSTENTABILIDADE: Por favor, liste um breve resumo de seu financiamento, indicando o percentual que vem de cada fonte.
MODELO: Como a sua missão está relacionada com o seu modelo de negócio (sem fins lucrativos, com fins lucrativos ou híbrido)?
PRIORIDADES DE FINANCIAMENTO: Se a sua organização recebesse hoje 20 mil dólares em financiamento irrestrito, como você utilizaria esse dinheiro? Por quê?
PARCERIAS: Conte-nos sobre as parcerias que melhoram o seu trabalho.
COLABORAÇÕES: Você já pensou em realizar ou realizou parceria com algum outro semifinalista do desafio? Se sim, por favor, compartilhe.
VISÃO: Se você tivesse recursos ilimitados e conseguisse avançar 15 anos para ver que o seu programa alcançou um grande sucesso - qual sucesso seria esse?
IMPACTO - MÉTRICAS-CHAVE: Por favor, liste os dados principais que você citaria como prova de que consegue alcançar resultados duradouros na aprendizagem. Compartilhe também um dado para o qual você espera ver melhores resultados ao longo do tempo.
IMPACTO - AMOSTRAS DO RELATÓRIO: Por favor, anexe ou disponibilize o link de alguns exemplos de seus relatórios de impacto. [opcional]:
PESQUISAS E EVIDÊNCIAS: Por favor, disponibilize o link ou anexe a pesquisa ou evidência que você deseja compartilhar amplamente [opcional]. Pesquisar e gerar evidências é o objetivo principal dessa iniciativa, e os recursos que você compartilhar podem ser escolhidos para listagem na biblioteca do Centro de Inovações na Educação.:
FONTE: Se aplicável - quem criou a pesquisa ou evidência que você escolheu compartilhar?:
IMPACTO - ALCANCE: Quantas pessoas o seu projeto envolveu diretamente com as atividades programadas no último ano?

ESTUDO: Foi feita alguma avaliação externa ou estudo sobre a sua organização?

Outros (por favor, detalhe)
Número de Funcionários:

Número de voluntários

ABORDAGENS: Dada a complexidade do brincar, não é supreendente saber que existem inúmeras pesquisas que tentam classificar as diferentes abordagens. Por favor, indique qual das seguintes abordagens o seu projeto está focado.

Outros (por favor, detalhe)
FILIAÇÃO: Por favor, especifique se a sua organização tem alguma ligação com o Grupo LEGO.