JOVEM SOCIAL SP

JOVEM SOCIAL SP: A GENTE É GENTE E QUER VIVER

SÃO PAULO, BrasilSÃO VICENTE , Brasil
Ano em que foi fundado:
2015
Tipo de organização: 
Sem fins lucrativos / ONG/ Setor Civil
Estágio do Projeto:
Start-Up
Orçamento: 
$50,000 - $100,000
Scaling strategies launched within the past 6 months:
Treinamento, consultas
Campanhas
Resumo do projeto
Pitch de Elevador (Explicação curta e direta)

Resumo conciso: Ajude-nos a lançar esta solução! Forneça uma explicação dentro de 3-4 frases curtas.

<p>Dica: Este será o primeiro texto introdutório sobre este projeto que será visualizado por quem acessar sua inscrição.</p>
projeto visa criar espaços de formação social e debate sobre as temáticas que permeiem a Juventude, tais como: discriminação racial, questão de gênero, identidade e cultura.

E SE... - Inspiração: Escreva uma frase que descreve uma forma que seu projeto se atreve a perguntar: "E SE?"

Nós jovens ajudarmos outros jovens a viver?
SOBRE O PROJETO

Problema: Este projeto busca solucionar qual problema?

O ponto de partida do projeto nasce na formação de sujeitos a partir de suas origens, buscando fortalecer políticas de ações afirmativas a partir da própria identidade e do respeito à construção coletiva dos educandos. O projeto acredita que o incentivo às ações que combatam racismo, discriminação, preconceito em seus espaços, são fundamentais como forma de construção coletiva entre jovens e suas comunidades.

Solução: Qual é a solução proposta? Por favor, seja específico!

O PROJETO JOVemSOCIAL tem como objetivo geral a transformação através da educação social e protagonizadora de jovens nos espaços comunitários, com base na pedagogia da libertadora proposta por Paulo Freire, fortalecendo a articulação política, a autonomia e a organização de lideranças de jovens.
Impact: How does it Work

Exemplo: Compartilhe um exemplo específico de como essa solução faz a diferença, inclua situações práticas.

2. A construção do diálogo entre organizações do terceiro setor e as comunidades; 3. Construção de debates entre a esfera pública municipal e as comunidades; 4. Construção do fórum de debate sobre juventude a ações afirmativas em comunidades; 5. Criar espaços de exercício da cidadania ativa dos jovens, oferecendo condições para que se envolvam no levantamento de dados e informações sobre sua comunidade, e apresentem propostas que subsidiem as instituições, as organizações governamentais e não-governamentais e os movimentos sociais, para a definição de políticas públicas, nas áreas social. 6. Formar os jovens para utilizarem os novos meios de comunicação para sua aprendizagem, articulação e mobilização social, integrando a ação l

Impacto: Qual tem sido o impacto do seu trabalho até hoje? Descreva também o impacto esperado para o futuro do projeto.

Impacto na conscientização e na formação de jovens em periferias, bem como torná-los protagonistas de formação de outros jovens sociais incentivando a luta pela vida e pelos direitos humanos.

Estratégias de Expansão: Avançando o projeto, quais são as principais estratégias para ampliar o seu impacto?

Portanto essa escolha se fortalece na medida em que há uma disposição por parte de instituições do terceiro setor da Zona Norte e Leste em apoiar o projeto com a infra-estrutura e de voluntários, o que configura uma realidade para execução das ações. Acreditando na relevância desse projeto e a sua contribuição para as comunidades envolvidas, partimos para criação de ações afirmativas a desenvolver dentro de eixos temáticos voltadas à cidadania; a formação de jovens lideranças, políticas públicas, à cultura e direitos humanos a partir da educação social.
Sustentabilidade

Plano de Sustentabilidade Financeira: Qual é o plano para garantir a sustentabilidade financeira do projeto?

Captar recursos juntos ao governo e organizações do terceiro setor.

Mercado ou Setor: Quais projetos ou organizações estão solucionando o mesmo problema que você e como essas propostas diferem da sua?

Comunidade e Terceiro Setor, a diferença que educadores sociais formados dão formações, e no jovem social eles recebem formação de jovens sociais e formam outros jovens sociais.
Equipe

História de fundação

A proposta do projeto tem como objetivo central a formação de sujeitos de direitos. E, foi pensando desse modo que buscou-se ainda a utilização das vivências e experiências empíricas em trabalhos em comunidades de seus idealizadores à formatação de um projeto com metodologias voltadas à educação social para jovens nas regiões periféricas de São Paulo. As ações do JOVemSOCIAL são voltadas à comunidades atingidas por impactos sociais no município, atualmente o projeto conta em andamento e com apoio de voluntários e entidades do terceiro setor para sua execução.

Equipe

Alessandro Euzébio - Educado Social em Periferias, licenciado em História e Pós em Direitos Humanos Victor Luiz dos Santos - Educador Social em Periferias, formado em Rádio e TV e Pós Educação
Público Alvo:

Populações marginalizadas, Formuladores de Políticas Públicas, Jovens.

Outros (Por favor, especifique)
Foco de atuação:

Organização comunitária, Educação, Meio de Comunicação.

Outros (Por favor, especifique)
Inovação: O que faz que seu projeto seja inovador no setor de Direitos Humanos? (600 caracteres ou 100 palavras)

Os jovens Sociais são jovens educadores que formam outros jovens na própria comunidade.

Conte-nos sobre as parcerias que apoiam o seu trabalho: (450 caracteres ou 75 palavras)

Contamos com parcerias de ONGs e Associações para organização e captação de jovens nas periferias, bem como espaço para realização das oficinas, fóruns e debates com a comunidade.

Políticas Públicas: De que modo você está contribuindo ou pensa em contribuir com no âmbito de políticas públicas? (300 caracteres ou 50 palavras)

Incentivo de políticas publicas nas comunidades em prol de conscientização da comunidade e dos governos no que diz a respeito do protagonismo juvenil em periferias.

Novas tendências: Além de seu projeto, que fatores, mudanças ou sucessos você acredita que poderiam ter uma forte influência no avanço dos Direitos Humanos? (600 caracteres ou 100 palavras)

Sim, lutamos pelo protagonismo juvenil e pela luta pela vida de jovens em comunidades, contra a discriminação racial e institucional, bem como mudança de comportamento social de jovens e a construção da identidade coletiva e social.