Recortes de Resistência

Recortes de Resistência: O bairro do Horto no Rio de Janeiro

Rio de Janeiro, BrasilRio de Janeiro, Brasil
Ano em que foi fundado:
2015
Tipo de organização: 
Sem fins lucrativos / ONG/ Setor Civil
Estágio do Projeto:
Ideia
Orçamento: 
$10,000 - $50,000
Scaling strategies launched within the past 6 months:
Não se aplica
Resumo do projeto
Pitch de Elevador (Explicação curta e direta)

Resumo conciso: Ajude-nos a lançar esta solução! Forneça uma explicação dentro de 3-4 frases curtas.

Busca-se documentar e disseminar lutas por direitos conduzidas por atores locais. O projeto foca na resistência empregada pelos moradores do bairro do Horto no Rio de Janeiro contra processos de expulsão. Espera-se ajudar na produção e conservação da memória local, projetar e fortalecer sua luta.

E SE... - Inspiração: Escreva uma frase que descreve uma forma que seu projeto se atreve a perguntar: "E SE?"

E se, para além do que é publicamente divulgado pela grande mídia, fosse possível conhecer as vitórias e derrotas daqueles que lutam pelos direitos sociais mais básicos, como a moradia?
SOBRE O PROJETO

Problema: Este projeto busca solucionar qual problema?

A produção e conservação de memória são elementos fundamentais da dimensão histórica do processo de luta por direitos. Atualmente os moradores do Horto vêm conduzindo um esforço contínuo para produzir conteúdos a respeito de sua própria história. Entretanto, tais informações estão sub-utilizadas, desempenhando um papel muito aquém do possível, especialmente no que se refere ao fortalecimento e projeção pública de suas demandas.

Solução: Qual é a solução proposta? Por favor, seja específico!

Para solucionar a questão apresentada objetiva-se a condução de quatro atividades, todas a serem executadas em parceria com a Associação de Moradores do Horto e o Museu do Horto: (i) organização e definição de procedimentos de sistematização das informações audiovisuais até então produzidas pelos moradores, (ii) produção de material audiovisual adicional focado no registro de processos históricos relevantes para a resistência promovida, (iii) produção de documentário em curta-metragem com o objetivo de condensar de modo sistemático a história do bairro e de seus habitantes, com foco na luta pelo direito à moradia, e (iv) divulgação do documentário produzido em exibições seguidas de debates sobre o tema da moradia.
Impact: How does it Work

Exemplo: Compartilhe um exemplo específico de como essa solução faz a diferença, inclua situações práticas.

A organização do material audiovisual já existente facilitará o acesso das informações para usos futuros dos moradores. Espera que os procedimentos sejam reproduzidos a fim de que as produções vindouras também sejam aproveitadas. A elaboração de material audiovisual adicional garantirá a conservação de parte da memória do bairro e da resistência promovida, eis que parte dos moradores encontra-se em idade avançada. Espera-se, ainda, que a produção de documentário em curta-metragem e sua respectiva divulgação contribuirão para o fortalecimento dos laços sociais locais e, sob uma perspectiva regional, influenciarão o debate, a formulação de políticas públicas de moradia e, principalmente, o destino dos moradores do bairro do Horto.

Impacto: Qual tem sido o impacto do seu trabalho até hoje? Descreva também o impacto esperado para o futuro do projeto.

Segundo dados do Comitê Popular da Copa e das Olimpíadas no Rio de Janeiro, estima-se que mais de 4 mil famílias foram removidas em virtude da realização dos megaeventos. Em um cenário mais amplo, que inclui os demais processos de transformação do território, esse número atinge mais de 20 mil famílias, conforme informações do próprio governo. No bairro do Horto, onde habitam 621 famílias, 520 destas estão sob ameaça. Chegou-se a esse número de remoções após o governo federal voltar atrás da decisão de urbanizar a área por meio de plano popular, elaborado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, e decidir ampliar a área de pesquisa do Jardim Botânico. Para além de projetar a resistência local a fim de evitar a retirada dessas 520 famílias e garantir que o plano popular seja implementado, o projeto visa iluminar a discussão associada à promoção de moradia e à política de remoções.

Estratégias de Expansão: Avançando o projeto, quais são as principais estratégias para ampliar o seu impacto?

O projeto será divulgado a partir de mídias sociais, contando com o auxílio do Museu do Horto e da Associação de Moradores. A exposição do material audiovisual, que também será legendado em inglês para permitir alcance internacional, ocorrerá por meio de exibições e debates no Horto, em universidades, centros de pesquisa, espaços públicos e privados, em meio físico e virtual. Será conduzida, ainda, campanha de crowdfunding para custear despesas associadas ao transporte, alimentação e acomodação dos participantes para eventos localizados fora do Rio de Janeiro.
Sustentabilidade
Financiamento: Como o seu projeto está sendo apoiado financeiramente?: 
doações individuais ou presentes - 100%

Plano de Sustentabilidade Financeira: Qual é o plano para garantir a sustentabilidade financeira do projeto?

Tendo em vista que o projeto em questão se encerra na medida da realização das atividades anteriormente propostas, sua sustentabilidade financeira está fundamentalmente ligada à obtenção de um montante específico de recursos a serem empregados para uma finalidade específica. Na medida em que as doações atingirem os valores mínimos fixados para condução do projeto este será executado.

Mercado ou Setor: Quais projetos ou organizações estão solucionando o mesmo problema que você e como essas propostas diferem da sua?

A produção de material audiovisual é uma atividade muitas vezes verificada no escopo de atuação de entidades do terceiro setor, ainda que conduzida em parceria com populações locais. Mesmo quando se verifica tal interação, em regra, tais projetos não são orientados para a recuperação, registro e preservação de histórias locais. Para além da promoção de lutas e resistências, o resguardo dessas memórias constitui importante elemento para o fortalecimento de uma sociabilidade desenvolvida e constantemente posta em cheque por desgastes inerentes aos processos conflituosos que perduram no tempo.
Equipe

História de fundação

Em 2014, durante a execução de uma pesquisa encomendada pelo Ministério da Justiça sobre moradia social no Brasil um dos estudos de caso trabalhados foi o processo de regularização fundiária do bairro do Horto, na cidade do Rio de Janeiro. Apesar de o relatório elaborado evidenciar diversos dos desafios vivenciados pelos moradores em sua luta para garantir a manutenção de sua moradia, remanesceu a percepção de que apenas um grande volume de textos e planilhas produzidos em um linguajar acadêmico jamais traria a repercussão necessária que o caso em questão demandava. A partir daí surge, então, a ideia de transformar o que foi observado a partir de uma perspectiva acadêmica em uma mídia capaz de potencializar a luta promovida pelos moradores.

Equipe

Pedro Henrique Vasques, advogado, Mestre em Direito da Cidade (UERJ), doutorando em Ciência Política (UNICAMP) e Direito (UERJ). Stela Herschmann, advogada, especialista em direito e políticas públicas ambientais (Duke University). Eduardo Souza Lima, jornalista e cineasta (UFRJ). Dirigiu o longa-metragem “Rio de Jano”, entre outros filmes. A equipe de produção do documentário será contratada na medida em que o projeto obtiver os recursos.
Público Alvo:

Populações marginalizadas, Formuladores de Políticas Públicas.

Outros (Por favor, especifique)
Foco de atuação:

Conscientização, Organização comunitária, Meio de Comunicação.

Outros (Por favor, especifique)
Inovação: O que faz que seu projeto seja inovador no setor de Direitos Humanos? (600 caracteres ou 100 palavras)

O projeto parte da perspectiva de que aliar (i) produção e resistência local (ii) com conhecimento jurídico e acadêmico e (iii) práticas de preservação e disseminação de memória permite não só uma significativa amplificação de processos de luta por direitos, mas também pode ser um instrumento de fortalecimento da sociabilidade local. A sistematização e o debate público sobre as opressões vivenciadas por grupos vulneráveis são elementos fundamentais para impedir que sua história seja reescrita por atores com maior capacidade de influenciar a opinião pública, como os grandes veículos de mídia.

Conte-nos sobre as parcerias que apoiam o seu trabalho: (450 caracteres ou 75 palavras)

Todo o trabalho será conduzido em parceria com a Associação de Moradores do Horto e o Museu Horto, criado com a finalidade preservar a memória da ocupação do bairro. Isso porque se espera desenvolver o projeto em conjunto com os moradores e ambas organizações são significativamente representativas entre os moradores, além de publicamente engajadas na luta para manutenção das famílias no bairro.

Políticas Públicas: De que modo você está contribuindo ou pensa em contribuir com no âmbito de políticas públicas? (300 caracteres ou 50 palavras)

A contribuição do projeto se dá na medida em que ao iluminar a luta dos moradores do Horto espera-se fortalecer o debate público sobre produção do território, em especial, no que tange à política pública de moradia no Rio de Janeiro e, em alguma medida, influenciar os gestores públicos responsáveis.

Novas tendências: Além de seu projeto, que fatores, mudanças ou sucessos você acredita que poderiam ter uma forte influência no avanço dos Direitos Humanos? (600 caracteres ou 100 palavras)

É necessário produzir um tensionamento entre a sociedade civil e o Estado no sentido de reformulá-lo para ampliar as possibilidades de representação efetiva das minorias. Hoje, para reivindicar seus direitos, diversos grupos sociais dependem de veículos de representação que são, em regra, ineficientes ou limitados. Faz-se necessário, portanto, investir no desenvolvimento de múltiplas possíveis arenas de acesso e disputa de direitos capazes de viabilizar uma interlocução direta e eficiente entre as estruturas estatais e as diversas realidades que um mesmo território é capaz de abarcar.