Por Baixo da Saia

Por Baixo da Saia: Um olhar feminino sobre a cadeia de produção têxtil.

Belo Horizonte, BrasilVetor Norte (13 municipios no entorno de confins), Brasil
Ano em que foi fundado:
2013
Tipo de organização: 
Com fins lucrativos
Estágio do Projeto:
Ideia
Orçamento: 
$10,000 - $50,000
Resumo do projeto
Pitch de Elevador (Explicação curta e direta)

Resumo conciso: Ajude-nos a lançar esta solução! Forneça uma explicação dentro de 3-4 frases curtas.

Trata-se de uma maratona de visitas na cadeia de produção da indústria têxtil a fim de demarcar os pontos onde os direitos são mais violados ou suscetíveis, para gestar um acordo de proteção e garantia de direitos para mulheres e crianças na implantação do Fashion City Brasil em Confins e entorno.

E SE... - Inspiração: Escreva uma frase que descreve uma forma que seu projeto se atreve a perguntar: "E SE?"

As mulheres pudessem criar uma "nova moda" para trabalhar na indústria têxtil, colocando seus filhos em primeiro lugar na cadeia de valor da indústria transformando o Fashion City Brasil em referência nacional de garantia de direitos?
SOBRE O PROJETO

Problema: Este projeto busca solucionar qual problema?

Por baixo da saia, estão os segredos de uma indústria que utiliza fortemente a mão de obra feminina. Queremos conhecer os gargalos dessa indústria têxtil no que se refere às mulheres para desencadear um movimento de transformação do crescimento da economia local em desenvolvimento local sustentável liderado por mulheres.

Solução: Qual é a solução proposta? Por favor, seja específico!

Oferecer para o Fashion City Brasil, autoridades públicas, organizações da sociedade civil, sistema de garantia de direitos e aos trabalhadores uma proposição inovadora do trabalho feminino.
Impact: How does it Work

Exemplo: Compartilhe um exemplo específico de como essa solução faz a diferença, inclua situações práticas.

Essa é uma experiência nova, para qual temos que construir o conhecimento e juntar um grupo forte de mulheres e instituições dispostas à criar um novo jeito de trabalhar com inovação, alegria, dignidade e respeito. Durante a maratona os dados serão levantados. Depois faremos uma dinâmica denominada "sala de parto" com mulheres comprometidas com o propósito de gestar e gerar uma proposta inovadora para o trabalho na indústria têxtil.

Impacto: Qual tem sido o impacto do seu trabalho até hoje? Descreva também o impacto esperado para o futuro do projeto.

Somos três mulheres , que nos articulamos para fazer programas de desenvolvimento de organizações da sociedade civil, alianças intersetoriais, educação, desenvolvimento sustentável e redes de garantia de direitos. Na região de impacto do Fashion City Brazil atuamos com o Programa de Desenvolvimento Institucional e percebemos a fragilidade do Sistema de Garantias. Queremos evitar o desastre evidente de sucateamento das relações humanas e de trabalho que afetam especialmente mulheres e crianças que estão ocupando moradias de baixa renda nas proximidades.

Estratégias de Expansão: Avançando o projeto, quais são as principais estratégias para ampliar o seu impacto?

O Vetor Norte está recebendo grandes investimentos para construção de um aerotropolis e de um centro de produção e comercialização da moda. No entanto, a região está frágil nos seus recursos sociais e recebendo grandes condomínios populares. Com informações qualificadas queremos contribuir para o desenvolvimento sustentável e impactar o modo de trabalho, valorizando especialmente as mulheres e seus filhos.
Sustentabilidade

Plano de Sustentabilidade Financeira: Qual é o plano para garantir a sustentabilidade financeira do projeto?

Esta é uma iniciativa necessita de recursos para coleta de informações e experiências. Ao terminar a maratona, faremos a "Sala de Parto" com recursos de um evento gerador de resultados. A partir daí, podem nascer outros projetos ou simplesmente uma rede de intervenção, e, se houver necessidade de novos recursos, serão captados por demanda.

Mercado ou Setor: Quais projetos ou organizações estão solucionando o mesmo problema que você e como essas propostas diferem da sua?

Nenhuma organização da região aborda essa questão.
Equipe

História de fundação

O projeto surgiu do incomodo de três mulheres (Marisa, Annabella e Janice) que atuam com desenvolvimento local, institucional e educação nos municípios da região e conhecem a dimensão dos problemas que o crescimento desordenado já vem trazendo. E o futuro pode ser igualmente desordenado a menos que possamos interferir na direção da sustentabilidade. Temos feito diversos trabalhos, com múltiplas parcerias, mas queremos agora alertar a indústria da moda que rapidamente se aproxima, que é preciso valorizar, respeitar a mulher e proteger nossas crianças para que o crescimento não chegue para destruir e sim para contribuir e proporcionar felicidade.

Equipe

Marisa Seoane Rio Resende: Sócia-Diretora da Direta Sustentável Ltda e Presidente do Centro Mineiro de Alianças Intersetoriais. Graduada em Serviço Social (FAPSS/SP 1985) com especialização em Administração De Recursos Humanos (FAAP/SP), Gestão Responsável para Sustentabilidade (FDC/MG), Captação de Recursos, Gestão de Iniciativas Sociais (UFJR/UNISESI), Especialização em Meio Ambiente - FUNIBER. Diversas publicações de artigos, livros e produção de trabalhos nas áreas de sustentabilidade, diálogo com stakeholders, responsabilidade social, voluntariado, gestão social e franquia social. Annabella Prates: Sócia-Diretora da Direta Sustentável Ltda. Graduada em Ciências Econômicas pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais –PUC/1989, com especialização em Gestão Responsável para Sustentabilidade (FDC/MG) e Valores Humanos nas Organizações, Educação e Meio Ambiente (FGV/MG) Realização de cursos de voluntariado empresarial, responsabilidade social, ética, diálogo e temas afins. Janice Salomão de Andrade: Consultora da Direta Sustentável. Graduada em História e Geografia pela Faculdade de Ciências e Letras São Tomás de Aquino, Uberaba/MG, com MBA em Gestão Educacional pela PUCRS, especialização em Segurança Alimenta pela Argere/FAO e especialização em Avaliação de Programas e Projetos Sociais pela Fundação Itaú Social. Cursos e Seminários nas áreas de Sustentabilidade e Responsabilidade Social - FIEMG
Cadeia de valor: Onde seu trabalho se encaixa na cadeia têxtil? [selecione todas que se aplicarem]

Matérias-primas, Manufatura, Consumo.

Sua função: Qual é a sua relação com a indústria têxtil? [selecione todas que se aplicarem]

Consumidor(a).

Grupo alvo: Com quais grupos de atores da indústria têxtil você se envolve ou capacita por meio de seu trabalho? [selecionar todas que se apliquem]

Marcas, Crianças, Consumidores, Corporações, Elaboradores(as) de políticas públicas, Fornecedor - contratante, Empresas comerciais, Mulheres, Jovens.

Foco de Intervenção: O que você está tentando alcançar/influenciar? [selecionar todas que se aplicarem]

Responsabilidade, Consumo Consciente, Práticas Ambientalmente Sustentáveis, Direitos Trabalhistas (como Negociação Coletiva, etc.), Igualdade de Gêneros, Contra o trabalho forçado e contra o tráfico humano, Condições Físicas de Trabalho, Transparência.

Instrumento para mudança: Selecione até 3 maneiras em que seu trabalho está ajudando a transformar a indústria.

Desenvolvimento de Capacidades, Dados, Treinamento.

Seu projeto tem como objetivo solucionar algum dos seguintes obstáculos chave?

A sustentabilidade ainda não está no DNA: O modelo atual de moda rápida desincentiva economias impulsionadas por valor.

Seu projeto utiliza algum dos princípios de design inovadores abaixo?

Mudar negócios habituais: Identificar atores-chave que possam influenciar o resultado final, Transformar a cadeia em uma rede: Conectar setores improváveis que abram novos caminhos para a sustentabilidade.

Inspiração para a inovação: Quando você pensou em seu projeto pela primeira vez, você pensou nele como aplicável à indústria têxtil?

sim

Se você respondeu 'não' na pergunta anterior, seu projeto originalmente tinha o objetivo de transformar qual indústria?

Replicando na indústria têxtil: Se inicialmente o seu projeto não era direcionado para a indústria têxtil, como você o está personalizando especificamente para direcioná-lo agora?
Você está cultivando ou inspirando outras pessoas a serem agentes de transformação? Se sim, como?
Conte sobre as parcerias que te ajudam a melhorar sua abordagem. Como você colaborou com outros atores na indústria para aumentar seu impacto?